Fim de semestre, início de recesso das atividades parlamentares. É hora de fazer um balanço do que foi feito e planejar os próximos seis meses de trabalho, dentro e fora do plenário. Mas para a vereadora Aldney Bastos (Neinha) é também momento de agradecer, em especial a Deus pela oportunidade de exercer o mandato e conseguir atingis os seus objetivos e dos eleitores de modo geral.

“Quando damos o melhor sabemos o que fazemos”, diz a vereadora, que faz do “corpo a corpo” a principal estratégia para ficar perto do povo para entender suas necessidades e preparar as pessoas para elas não fiquem vulneráveis, conheçam seus direitos. Ela admite que a Casa da Cidadania vive momentos de dificuldades e precisa possibilitar mais o acesso da população ao trabalho dos legisladores. 

Se definindo como uma leoa na defesa dos interesses da população que representa, NeinhaBastos não cansa de conclamar as pessoas, em especial as mulheres, a participarem mais da política, não apenas em nível municipal. “Precisamos sair da zona de conforto, não ficar só reclamando, temos que ir para a linha de frente, como guerreiras”, defende. “Temos que estar na Casa da Cidadania, mas também temos que ir onde o povo está”, diz. 

Poder fazer uma mudança na vida dessas pessoas que acreditaram em seu projeto como amiga,irmã, mãe e vereadora é o principal retorno da dedicação ao mandato, na avaliação da vereadora, que credita a Deus todas as conquistas. “Sempre fiz tudo com muito amor, responsabilidade e carinho”, afirma, destacando que cada dia mais se torna necessário “um olhar humano para a sociedade”

 

Download PDF

Redação

Comentários estão fechados.